Subprojeto 35 -  Progressão e metástase do câncer de próstata em camundongos deficientes em Pten (Ptenloxp/loxp;PB-Cre4) ou em pRb e p53 (pRbloxp/loxpp53loxp/loxp;PB-Cre4) no epitélio prostático: marcadores de proliferação e estresse oxidativo

Participantes:Sérgio Luis Felisbino – Coordenador, David E Neal

O câncer de próstata (CaP) é o segundo mais frequente e o segundo de maior taxa de morbidade e mortalidade entre os homens. Mutações e deleções em genes supressores tumorais são frequentes no CaP, tais como nos genes Pten, p53 e pRb e estudos recentes destacam o papel do estresse oxidativo na iniciação e progressão do CaP. Este projeto tem por objetivo avaliar o processo de progressão tumoral e metástase do CaP em duas linhagens de camundongos knockouts, um deficiente em Pten e outro deficiente em ambos p53 e pRb, especificamente no epitélio prostático – gerados pelo sistema Cre-loxP. Animais knockouts e controles serão sacrificados em diferentes idades (6, 12 e 18 meses) e os lobos prostáticos ventral, lateral, dorsal e anterior serão submetidos às análises histopatológicas e de expressão gênica por microarranjos seguida de validação por qPCR, para identificação de genes candidatos, com especial atenção aos genes associados com estresse oxidativo. Genes validados serão avaliados por imunohistoquímica e western blotting e também em amostras de pacientes com CaP em diferentes estágios da doença. Estes resultados poderão validar novos marcadores de diagnóstico, estadiamento e prognóstico do CaP e potenciais drogas para o seu tratamento e prevenção. Este projeto será realizado no Instituto de Pesquisa sobre o Câncer da Universidade de Cambridge/Reino Unido..