Comunicação “organelar”: o contato direto entre organelas intracelulares.

IMAGEM (3)

Créditos da imagem: Wong et al., 2017.

Os cientistas do Northwestern Medicine descobriram que duas estruturas celulares membranosas, chamadas mitocôndrias e lisossomos, entram em contato direto para regular suas respectivas funções. Esta descoberta tem implicações para a pesquisa de muitas doenças, incluindo Parkinson e câncer, bem como para a compreensão do envelhecimento normal.
As mitocôndrias e os lisossomos são fundamentais para todas as células do corpo, onde desempenham papéis distintos: as mitocôndrias produzem energia para a célula, enquanto os lisossomos, principalmente, reciclam o material residual além de exercer outras funções.
Utilizando técnicas de microscopia óptica confocal, os cientistas observaram que as mitocôndrias e os lisossomos formaram contatos estáveis dentro das células. Os autores também empregaram outras técnicas avançadas de imagem – incluindo microscopia eletrônica e imagens de super resolução – para descobrir que a formação e posterior afrouxamento desses contatos é regulada por uma proteína lisossômica chamada RAB7. Porém, a função exata deste processo permanece não totalmente elucidada. Contudo, disfunção neste contato já foi demonstrada em doenças como Parkinson e câncer.

Veja todo o trabalho no paper em anexo!

Mitochondria-lysosome contacts regulate mitochondrial fission via Rab7 GTP hydrolysis

Keywords: lisossomos, mitocôndrias, rab7, comunicação organelar.